Correio das Cidades

Independência e Verdade

Prefeitura de Ilhéus divulgou ter vacinado mais de 7 mil pessoas, a população contesta

Prefeitura de Ilhéus divulgou ter  vacinado mais de 7 mil pessoas, a população contesta

Mesmo sendo contestada pela população, a Prefeitura da cidade divulga em suas redes que já vacinou mais de sete mil pessoas. Grupos organizados que atuam em defesa da verdade contestam esses números.

A informação inclusive, que um lote de vacinas teria sumido do estoque de controle da SESAU.

Até agora nem mesmo a Prefeitura, muito menos a secretaria informou sobre o fato. O que de verdade está posto é uma desinformação em geral quando o assunto é vacinar na cidade de Ilhéus.

A Secretaria Municipal de Saúde, divulgou na sexta-feira dia (5) o balanço semanal da vacinação.

O setor de Imunização, disse que nos dias 1º a 5 de fevereiro, 1.318 pessoas que integram os grupos prioritários foram imunizadas. Disseram ainda que desde o dia 19 de janeiro, estão no trabalho de campanha, e que no dia (5) foram aplicadas, sete mil quatrocentas e quarenta e duas doses, das 7.847 enviadas pela Secretaria da Saúde do Estado.

Como forma de balanço, uma tabela foi enviada dando conta de que na segunda-feira inicio do mês de fevereiro, foram vacinadas duzentas e trinta e cinco pessoas, deste total 167 índios, idosos entre outros da etnia,  mais 51 profissionais da saúde que estão no dia a dia do  combate à doença.

Já na terça-feira dia dois, foi a vez dos trabalhadores da saúde. Na quarta-feira 3, a quase quatrocentas pessoas foram vacinadas um total exato de 327 pessoas., 150 trabalhadores da saúde e nove idosos acamados.  Quinta-feira 4, 216 pessoas foram vacinadas, os índios mais uma vez foram imunizados 135 Tupinambás mais os profissionais da saúde.
A Sesau informa que os profissionais da saúde que atuam no combate à pandemia continuarão sendo vacinados, conforme o planejamento.

Com relação à vacinação de idosos, a população será informada sobre o cronograma, com dias e horários. A Sesau reitera que Ilhéus antecipou a imunização de pessoas acima de 80 anos, diante da necessidade de priorizar grupos mais vulneráveis ao vírus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *