Correio das Cidades

Independência e Verdade

Grupo de pesquisa da UESC abre a 4ª rodada de coleta de dados do projeto MoveIlhéus e convida população a participar

Grupo de pesquisa da UESC abre a 4ª rodada de coleta de dados do projeto MoveIlhéus e convida população a participar



O projeto MoveIlhéus é um programa de promoção da atividade física e de hábitos saudáveis no município e região. Baseado em uma perspectiva ecológica de mudanças de comportamento nas cidades, os objetivos são: (1) diagnosticar e monitorar o nível de atividade física e do comportamento sedentário dos residentes; (2) mapear o uso do espaço urbano referente às atividades físicas no lazer e na mobilidade urbana; (3) criar uma plataforma de comunicação entre os residentes, a Universidade e a Gestão Pública; (4) propor ações, projetos e políticas públicas que promovam uma vida mais ativa e saudável no cotidiano das cidades.
O coordenador do projeto, o Prof. Dr. Marcos Menuchi explica que a pandemia agravou ainda mais a necessidade de implementação de políticas de saúde pública de promoção de atividade física e hábitos saudáveis e sustentáveis no espaço urbano. Só para ter uma ideia, antes da pandemia, mais da metade dos adultos no Brasil não atingiam as recomendações mínimas preconizadas pela Organização Mundial da Saúde de 150 minutos de atividade física moderada e/ou vigorosa por semana. Baseado em nossos resultados preliminares, publicados neste mês, o grupo avaliado nas duas primeiras rodadas de coleta de dados (antes e durante a primeira onda de contaminação), alteraram suas rotinas, reduzindo significativamente a atividade física no trabalho e no deslocamento pela cidade. Por outro lado, observamos um aumento da atividade física em casa, mas acompanhado de um aumento no tempo sentado ou deitado. Estes resultados têm sido semelhantes em todo o mundo e tem preocupado os especialistas da área.
Com a abertura desta nova etapa de coleta de dados, disponível no site moveilheus.uesc.br, poderemos verificar os efeitos da segunda onda de contaminação e também projetar alguns indicadores e orientações para políticas públicas que enriqueçam nosso cotidiano com mais atividade física e menos comportamento sedentário, tais como ações educacionais, protocolares e de infraestrutura mais convidativas para uma vida ativa e saudável na cidade.
Como nas coletas anteriores, os relatórios individuais são disponibilizados após a finalização do questionário. Os relatórios foram adaptados para oferecer dicas e orientações baseadas nas recomendações e cuidados pela Organização Mundial da Saúde. Nesta nova rodada de coleta também inserimos os resultados da percepção individual sobre o bairro. Os resultados das ondas anteriores podem ser acessados por vídeos em nosso canal do YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCYEbzhqs0dW0ALJGpv06wXw?view_as=subscriber.

Também temos conteúdos disponíveis em nossas redes sociais Facebook, Instagram, Twitter e YouTube no perfil @moveilheus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *