Dr Tandick denuncia acordo de 15 milhões entre a Prefeitura e as empresas de ônibus em Ilhéus. E pede instauração de CPI

Dr Tandick denuncia acordo de 15 milhões entre a Prefeitura e as empresas de ônibus em Ilhéus. E pede instauração de CPI

A prefeitura de Ilhéus fechou um acordo para indenizar as empresas de ônibus em 15 milhões de reais pelos prejuízos causados durante a pandemia.

Foi isso mesmo que você ouviu! Mesmo com todos os desmandos das empresas de ônibus, o prefeito Mario Alexandre fechou um acordo espúrio para pagar a fortuna milionária com dinheiro público em 25 parcelas sucessivas de 600 mil reais.

A denúncia foi feita pelo vereador e defensor público Dr Tandick Resende, que pede a instauração de uma CPI para investigar o caso.

Além disso, o edil ainda fez referência ao acordo com o nome de um antigo programa de televisão “ARMAÇÃO ILIMITADA”.

E pasmem!! A Viametro e a São Miguel já começaram a receber o valor desde o dia 16 de Julho de 2021. Além disso, o acordo ainda prevê que como contra partida as empresas de ônibus devem disponibilizar 75% da frota pra o transporte da população. É isso mesmo! Apenas 75% da frota!

E quando parece que não poderia piorar, o acordo também prevê que o município não pode instaurar processo administrativo para investigar possíveis descumprimentos de contrato por parte das empresas.

No fim dessa “brincadeira”, as empresas de transporte público receberam 7,5 milhões de reais cada uma.

E como sempre, quem perdeu foi o povo!!

A Lei a favor do povo

ASCOM do vereador
Dr Tandick Resende

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *